5 anos de Além dos olhos

Nestes 5 anos passamos por muitas situações. Desilusões, por não termos conseguido ajudar a muitos amigos em situação de rua, mas também com muitas alegrias, resgatando vidas com as quais até hoje mantemos contato. E sem o envolvimento dos voluntários e dos amigos que acreditam na idoneidade do projeto Além dos Olhos, nada disto seria possível. Que continuemos procurando semelhanças e não diferenças.

No início, era apenas um sonho da Mayara de se aproximar e conhecer melhor as pessoas em situação de rua que vivem em Florianópolis. Assim, reunindo amigos e família, no dia 21 de julho de 2015, em comemoração ao seu aniversário de 26 anos, ela realizou esse sonho, servindo sopa e escutando algumas dessas pessoas. Quando voltaram, já sabiam que não poderiam mais parar. O grupo então escolheu as segundas-feiras como as noites abençoadas, levando, além de comida, roupas, calçados, cobertores e produtos de higiene.

Hoje, comunidades carentes também são beneficiadas. São arrecadadas e doadas cestas básicas, roupas e até material escolar. Festas de Natal, Dia das Crianças e até aniversários são organizados e casas de apoio auxiliadas.

Os voluntários são os principais responsáveis pela arrecadação de doações. Para quem precisa, o projeto encaminha doações de móveis e utensílios. E até suas casas próprias de madeira estas pessoas já estão conseguindo construir.

Mas além das doações, o projeto se dedica a ouvir. Fazer o bem sem olhar a quem, dar amor e carinho. Ver no outro um “eu” também. Levar um sorriso amigo. Ser um ombro nos momentos difíceis. Sentar no chão e olhar nos olhos. Torná-los visíveis. Procurando sempre por semelhanças e não diferenças.

Só quem olha com o coração entenderá a importância desse projeto. Na vida, só podemos dar aquilo que temos de melhor. E saber que a vida ainda floresce é algo inexplicável. O brilho nos olhos será sempre a melhor recompensa.

One thought on “5 anos de Além dos olhos”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *